full screen background image
pt Português
en Englishfr Françaisde Deutschit Italianopt Portuguêses Español

DESTINOS

Geograficamente concentramos nossas atividades no estado da Bahia e contamos com grandes parcerias de operadores em outras regiões do Brasil.

Salvador

Primeira capital do Brasil e capital do estado da Bahia, Salvador transmite ao visitante uma forte dose de exotismo e encantamento.
Fruto de uma longa história entre a África e a Europa, tornou-se a cidade mais africana das Américas. Profundamente humana Salvador pode ser apreciada por seus tesouros arquitetônicos onde o Barroco se mostra com plenitude e riqueza, pelo ar pitoresco e sempre alegre do velho bairro do Centro Histórico, Patrimônio da Humanidade, pelo ar natural da Baía de Todos os Santos com suas inúmera ilhas e praias de águas calmas e de temperatura agradável, por sua culinária típica com reconhecimento internacional, por sua música e ritmos, mas essencialmente é apreciada pela hospitalidade da sua gente.

Recôncavo Baiano

A visita a região do Recôncavo baiano proporciona um contato estreito com a realidade objetiva do campo onde os cultivos da cana-de-açúcar e fumo sempre estiveram intimamente ligados ao desenvolvimento econômico e histórico do estado da Bahia. É uma oportunidade única e imperdível de entrar em contato com a autenticidade da cultura e com a riqueza arquitetônica da região, visitando as cidades mais importantes como Cachoeira e Santo Amaro, vivenciado o cotidiano dos seus habitantes nas feiras livres ou nas comunidades quilombolas.

Litoral Norte

Esta região encontra-se ao norte da cidade de Salvador seguindo pela « Estrada do Coco » e pela « Linha Verde » até a fronteira do estado vizinho de Sergipe. Neste percurso atravessamos um vasto litoral com mais de 200 km de lindas praias, muitas das quais ainda semi desertas e regularmente visitadas por tartarugas marinhas, durante o seu ciclo de reprodução. A vegetação de Restinga, intercalada com dunas de areia de um branco imaculado, formam paisagens de rara beleza.

Também encontramos na região reservas de Mata Atlântica, sítios históricos de suma importância, vilas autênticas de pescadores onde a hospitalidade não deixa ninguém indiferente. Nesta região temos a oportunidade de conhecer ações importantes de preservação do meio ambiente e de melhoria da condição de vida dos habitantes.

Baía de Todos os Santos

Considerada a segunda maior do Planeta Terra, a Baía de Todos os Santos oferece muitos atrativos aos visitantes. Percorrendo suas inúmeras ilhas e ilhotas encontramos lindas praias de águas calmas e cálidas, uma vegetação luxuriante e muitas oportunidades de conhecer uma gastronomia de qualidade servida em ambientes descontraídos.

Costa do Cacau

Visitar Ilhéus é transformar-se em um dos tantos personagens dos livros de Jorge Amado, filho ilustre desta região, imortalizada em seus célebres romances de personagens fortes e vibrantes. A visita nos conduz a um verdadeiro passeio através 476 anos de história. Cidade romance, cenário da civilização do cacau com seus casarios, igrejas e suas autênticas fazendas de cacau que proporcionam uma viagem no tempo da Terra do Sem Fim e de São Jorge dos Ilhéus, célebres romances do grande escritor. As fazendas de cacau permitem conhecer a história de poder dos antigos coronéis e a importância econômica do cacau, também conhecido como o Ouro Branco.

De suma importância, encontra-se também nesta região o Eco parque de Una, uma Reserva Particular de Patrimônio Natural (RPPN), criada para proteger a Mata Atlântica de forma sustentável através do turismo ecológico. Com 383 hectares de mata preservada, tem como principal objetivo servir de “vitrine” da Mata Atlântica e influenciar o desenvolvimento de empreendimentos eco turísticos na região sul da Bahia.

Chapada Diamantina

A riqueza gerada com a mineração do diamante possibilitou grande desenvolvimento econômico e político desta região e as cidades de Lençóis, Andaraí, Mucugê, Igatu, Palmeiras, Guiné e Caeté-Açu tornaram-se as mais importantes e prósperas. A importância deste pólo de mineração era tanta, que nesse tempo o governo francês instalou um consulado na cidade de Lençóis, para facilitar a importação de diamantes. A atividade da mineração foi encerrada em meados do século passado resultando em um período de crise para a região. Mais recentemente o turismo afirma-se como atividade econômica de suma importância. Os caminhos percorridos pelos antigos Garimpeiros transformaram-se em trilhas através das quais uma natureza de grande diversidade se mostra exuberante. Rios, Cachoeiras, Grutas, Cidades de arquitetura colonial e grandes vales compõem paisagens inesquecíveis.

Vale do São Francisco – Viagem ao Brasil profundo

Na régião do semi árido encontramos o Vale do São Francisco, onde corre de forma perene o « Velho Chico », o rio mais importante da região, venerado pelo habitante das suas margens que conhece de muito perto a realidade da seca. A aridez do entorno contrasta com a sensibilidade hospitaleira da sua gente, com a riqueza do seu folclore e de suas festas populares. Os caminhos são os mesmos que foram percorridos pelo bando de Lampião e sua companheira, Maria bonita. Grutas com pinturas rupestres, grandes canions, a exuberância da caatinga, comunidades ribeirinhas e lindos povoados nos levam a entender o que faz do sertanejo um forte.

________________________________